DAGON # 5 – Janeiro de 2013

31.01.13

736587_478530312193176_1530851548_o

Download Gratuito: Dagon_Janeiro_2013

Caros leitores da revista Dagon, chegamos por fim ao primeiro número de 2013! Aproveito para vos desejar um excelente ano. A Dagon, com 12 números previstos para 2013, encarregar-se-á de vos oferecer ficção de qualidade a custo zero para vos acompanhar durante todo o ano!

                A Dagon irá aposta forte neste ano, continuará a publicar bons contos, mas irá começar a dedicar-se também a publicar noveletas e também novelas.

                “Golfinho de Júpiter”, de Mary Rosenblum, ou “Gas Fish” na versão original, é uma novela fantástica sobre a amizade que foi finalista vencida dos prémios Hugo no ano de 1997. Publicada pela primeira vez na revista Asimov’s, é uma das histórias de que mais gosto e, portanto, é uma honra poder disponibilizar esta versão portuguesa para leitura gratuita. São mais de 100 páginas de excelência literária!

                “O Velho das Terças-feiras” é um conto delicioso e repleto de humor de José Cunha- É, efectivamente, um conto bem Português como decerto irão perceber. Publicado originalmente no Fanzine Fénix, número zero, é aqui recuperado com o objectivo de o apresentar a um maior número de leitores, visto que, como sabem, o Fanzine Fénix é vendido em papel com uma edição limitada em termos de exemplares. As histórias de José Cunha merecem, sem dúvida, ser lidas. Comecemos então pelo “Velho das Terças-feiras”, mas com a convicção que o veremos regressar às páginas da Dagon no futuro.

                Termino com um desejo: que se divirtam tanto a ler esta Dagon como toda a equipa se divertiu durante a sua elaboração!

Roberto Bilro Mendes

30 de Janeiro de 2013

tags:
publicado por sá morais às 01:53

Bibiliografia de Pedro Ventura (2006-2012)

12.04.12

         

 

  • Em Setembro de dois mil e seis publicou o seu primeiro livro, o romance épico Goor – A Crónica de Feaglar, volume 1, com a chancela da Papiro Editora.

 



  •        O lançamento de Goor – A Crónica de Feaglar, volume 2, decorreu a 13 de Outubro de dois mil e sete, na Livraria Pretexto, Viseu.

 

  • Lançamento do livro "Páginas Lentas", no qual está incluido o conto "Darwar de Celénia" no dia 6 de Dezembro de 2008, na Fnac/Palácio do Gelo - Viseu

 

 

  •  Participação com um conto e uma entrevista na e-zine DAGON!

 

  • Participação com um artigo na Dagon I ( versão de papel )

 

 

  •  Participou com o conto “Nunca Estarás Só” na colectânea de escritores viseenses Páginas Lentas 2 (2009), dirigida pelo GICAV de Viseu.

 

  •  Participou com o conto “O Verdadeiro Viajante do Tempo” na colectânea de escritores viseenses Páginas Lentas 3 (2010), dirigida pelo GICAV de Viseu.  

 

 2012


 

  • Lançamento de O Regresso dos Deuses - Rebelião pela Editorial Presença.

 

  •  Participou com um conto "Uma Questão de Lugar" na Vollüspa - Antologia de Contos de Literatura Fantástica.

 

Dagon & Conto Fantástico - Fusão de publicações

09.09.10

Temos novidades. Se são boas ou más, caberá ao leitor decidir. Pela nossa parte pensamos que, dentro das circunstâncias actuais, se tratam de boas notícias.

Rescindi recentemente o contrato com a Edita-me, para a publicação da “Dagon”. A editora Antagonista mostrou-se muito interessada em poder editar a revista, introduzindo alterações que visam sobretudo o aumento de interesse das participações e da quantidade de páginas.

A “Dagon” passará a denominar-se “Dagon – FC&F”, continuará a ser trimestral e contará com uma novidade: o Jornal “Conto Fantástico” impresso nas suas costas, com conteúdo aumentado proporcionalmente (terá o conteúdo referente a 3 edições), seguindo o mesmo trilho que lhe foi destinado ao início, a mesma filosofia. À semelhança com os volumes da colecção “MIR” da Editora Antagonista, o jornal e a revista serão “Ace Doubles”, sem qualquer tipo de preponderância de nenhuma das partes.

O Facto de serem impressos em conjunto não trará uma mudança de filosofia individual de cada projecto, sendo que o “Conto Fantástico” continuará a publicar apenas autores de língua portuguesa, enquanto que a “Dagon FC&F”  passará a publicar mais autores internacionais premiados, apresentando neste primeiro número ficção curta de dois dos finalistas dos prémios Nébula, James Patrick Kelly e Kij Johnson (a vencedora), entre outros nomes de peso. Não descuraremos a ficção curta nacional, bem como artigos, poesia e entrevistas, entre outras coisas. Virando o exemplar, teremos o Jornal “Conto Fantástico”, desta vez com cinco contos, artigos e duas entrevistas.
Com a distribuição assegurada através de um circuito alternativo e pelas lojas mais convencionais como a rede Fnac, pretende-se reunir o fantástico nacional e internacional, apresentando trimestralmente cerca de 16 contos, 7 artigos, cinco entrevistas, poesia, arte gráfica e resenhas.

 

POR: Correio do Fantástico ( trazido por ANDREIA TORRES )

publicado por sá morais às 15:07

Lançamento da Dagon!

28.01.10

    Teve assim lugar o lançamento da Dagon na Invicta e, em minha opinião, a concretização do sonho do Roberto Mendes e da Rita Comércio ( que finalmente conheci! ) não podia ter sido melhor. Um sonho movido pelo puro prazer e amor ao Fantástico, coisa rara nos dias que correm... Uma iniciativa rara e que poucos teriam a coragem de concretizar. Mas o entusiasmo do Roberto parece-me ser daquele capaz de mover montanhas. Bem Haja!

   Muito público a encher o Clube Literário do Porto e a participar activamente nos debates. Uma participação tão "apaixonada" que acabou por faltar tempo para abordar outros temas mas, haverão outras oportunidades! - e será em breve publicado neste blog um resumo dessas temáticas.

    Alguns rostos já conhecidos como Rogério Ribeiro ( que me parece ter sido uma figura chave na concretização deste evento ), Luis Filipe Silva e João Barreiros, nomes sobejamente conhecidos. Foi ainda a oportunidade de conhecer pessoalmente a Carla Ribeiro, algo que andava adiado. Havia por ali muita gente que participa no Correio da Fantástico ( desculpem mas sou péssimo a memorizar nomes ) com quem eu gostava de ter tido tempo para falar, mas não fica esquecida a ideia... Este foi, sem dúvida, não só um encontro de escritores e designers, mas também um encontro de "bases" e isso é sempre positivo. 

 

Roberto Mendes - o "pai" da Dagon

 

Parabéns a todos e obrigado!

tags:
publicado por sá morais às 11:24

Dagon- dia 23 de Janeiro no Clube Literário do Porto

13.01.10

 

 

“Mais que uma apresentação, uma reunião em volta das artes no fantástico”

Quando imaginei como poderia ser o momento da apresentação da revista, logo me surgiram algumas ideias. Não queria apenas pegar num exemplar e apregoar o quanto ele tinha qualidade, o quanto era bonito, enfim…tentar vender o produto. Não, isso não queria mesmo! O que realmente sonhava era com um momento de união entre os leitores do género, os autores da revista e os demais que marcassem presença. Mostrar que no fantástico existem artes e artistas excepcionais, que também vão muito além da escrita. Não ambicionava o silêncio, pois silencioso demais tem estado o fantástico português. Surgiu assim a ambição de apresentar os trabalhos de quatro autores portugueses nas áreas da ilustração, nas galerias do Clube Literário do Porto, local de excelência para estas ocasiões. Surgiu também a “necessidade” de discutir alguns temas em mesas redondas, deixando a conversa fluir entre oradores e todos os presentes. Originalidade? Não! Influências óbvias do trabalho desenvolvido antes, principalmente pelo Rogério Ribeiro. Se conseguir trazer tanta união à volta deste género como o Rogério trouxe, nem que seja por apenas por umas horas, o objectivo máximo estará conseguido. E por último a música, com a eventual presença de um pianista profissional (ainda por confirmar).

A revista consiste num desafio, mais do que numa afirmação. Um desafio à leitura, à descoberta de novos autores, novos contos, novos artigos, novas imagens e à redescoberta do melhor que se tem feito em Portugal no género… Novamente, se esta revista se conseguir aproximar dos trabalhos feitos por outros editores (tal como me foi recentemente relembrado, com toda a justiça, no fórum bbde) como o Rogério (Bang), o Ricardo (Nova) e o Tiago Gama (Phantastes) então será para mim um sucesso. Não arrogo para qualquer tipo de louro, não quero fama, não anseio por reconhecimento. Outros fizeram antes de mim um trabalho colossal. Agora dou o meu singelo contributo, para o qual sem a ajuda de todos os envolvidos não seria possível de realizar.

Quanto à substância da revista, posso afirmar que conta com autores de enorme qualidade, que fizeram um excelente trabalho. Os leitores poderão ler quatro contos, quatro artigos, uma entrevista, um pequeno texto em prosa poética e ainda conhecer o trabalho do ilustrador Miguel Ministro, ao qual pertence a imagem de capa, inspirada no conto “Dormindo com o Inimigo” de Luís Filipe Silva. Poderão ler o que pretende ser uma homenagem a João Barreiros, deliciar-se com autores portugueses, como Carla Ribeiro, Luis Canau e Nuno Fonseca e estrangeiros como Larry Nolen e Nir Yaniv. Poderão por último gostar ou não gostar e deverão criticar!

A edição assenta em três bases: dar a conhecer os melhores trabalhos dos autores portugueses (conhecidos ou desconhecidos), dar a conhecer autores internacionais e relembrar trabalhos históricos. Também não é algo original; ainda recentemente me foram apontadas as seguintes publicações: “Bang” 0, 1 e 2: Lavie Tidhar, Frank Roger, Sarah Hoyt, entre outros; “Nova”: Csilla Kleinheincz, Santiago Eximeno; e ainda outros na “Phantastes”.
Mas ainda que não sendo original, é uma aposta forte, que poderá trazer frutos:)

Não poderia ter ambicionado um local melhor que o Clube Literário do Porto, que conta com excelentes instalações e com uma filosofia que em tudo se assemelha ao implementado na revista.

Será uma revista de publicação trimestral, com o total de quatro números por ano. Estará disponível em algumas livrarias nas cidades de Lisboa e Porto e poderá também ser adquirida através de uma assinatura anual.

É sobretudo uma aposta na qualidade. Com um trabalho impecável da editora Edita-me, que  começa desta forma a sua aposta no mercado de literatura fantástica e que em tudo se afastou de um trabalho de “vanity press”.

 

Roberto Bilro Mendes

 

Fica o programa, que pode ainda ser sujeito a algumas mudanças por motivos de força maior:

Clube Literário do Porto:

 

16:30: Inauguração da exposição de arte fantástica nas galerias.

 

17:00: Cave: Mesa redonda com o tema “Ficção Científica Internacional, ilusão ou realidade?”. Oradores: Luís Filipe Silva e orador a confirmar;

 

17:45: Cave: Mesa redonda com o tema “Literatura Fantástica Portuguesa, que futuro?”. Oradores: Rogério Ribeiro e Pedro Ventura.

18:30: Galeria: Apresentação da revista “Dagon” com música ao vivo (a confirmar).

 

 

 

publicado por sá morais às 18:41

DAGON passa a Papel!

17.11.09

É com muito prazer que vos informo que existem conversações avançadas para que o número um da Dagon seja uma realidade em papel. Não posso revelar qual será a editora por enquanto, apenas o farei quando o contrato for assinado.

Podem esperar uma revista melhor que o número experimental, com uma revisão intensa. Contudo a linha editorial continuará semelhante ao número zero, visto que a editora interessada me oferece todo o controlo sobre a edição e publicação. Posso desde já revelar que pretendo uma revista com as várias secções já existentes: música, conto, poesia,artigo, cinema e desenho. Estão também pensados números temáticos, dedicados em exclusivo a certos géneros do fantástico. Deste modo estão ABERTAS AS SUBMISSÕES para a Dagon em qualquer uma destas áreas. Convém que submetam os vossos trabalhos o mais rapidamente possível. Desde já posso afirmar que serão feitos contratos com todos os autores para que os mesmos sejam protegidos quanto aos direitos de autor e não só. Considero este um aspecto imprescindível e não trabalharei nunca de outra forma. Quanto ao primeiro número, ainda não poderá ser oferecida remuneração aos autores participantes, neste sentido constará no contrato que não existe cessão de direitos de autor, apenas uma autorização de utilização do trabalho no número da revista.

Quanto às submissões devem obedecer às seguintes regras:

Conto: Mínimo de mil palavras, máximo de quatro mil; Deve ser um conto de literatura fantástica, de qualquer género ou subgénero como a fantasia épica, o realismo mágico, a ficção científica, o terror, a história alternativa e os demais; Devem ser originais; devem apresentar um português correcto;

Poesia: Deve conter elementos de literatura fantástica.

Trabalho gráfico: Deve enquadrar-se nas temáticas do fantástico, pode ser desenho, desenho digital, montagem ou fotografia.

Literatura/artigos de opinião/ Críticas: Os artigos devem debruçar-se sobre os temas do fantástico, devem ser originais e inovadores. Máximo de duas mil palavras. Será entendido como crítica literária o texto de opinião sobre uma determinada obra de literatura fantástica; Máximo de mil palavras.

Cinema: podem enviar críticas a filmes do fantástico; máximo de mil palavras

 

Roberto Bilro Mendes

 

tags:
publicado por sá morais às 23:33

Dagon- Já disponível a versão corrigida!

07.09.09

Dagon revista-número zero – versão corrigida

Já está disponível a versão final corrigida. Pedimos desculpas pelos erros que foram sendo encontrados. Façam por favor o download desta versão!

Aqui está a Dagon, a nova revista do fantástico. Faz o teu download e não te esqueças de nos dar a tua opinião sobre todos os seus aspecto, seja aqui no correio, no site ou então para o e-mail correiodofantastico@gmail.com

.

 

Dagon – O Site Oficial!

26.06.09

WWW.DAGON.WEBNODE.COM

 

“Inovar e fazer mais e melhor que os projectos já existentes”

É este o espírito da Dagon, fazer mais, fazer melhor! Deste modo é com muito prazer que vos apresentamos uma das primeiras inovações deste tipo de projecto: todas as informações sobre a DAGON estarão disponíveis num site que lhe é exclusivamente dedicado; Será assim mais fácil, não só a distribuição dos exemplares, mas também a participação activa dos leitores no “FÓRUM DAGON”, a visualização de imagens na Galeria de Fotos e a leitura das mais recentes noticias sobre o projecto!

De aspecto simples e funcional, este é um site criado para os leitores, esperamos que gostem!

Por isso visitem, participem no fórum (todas as questões serão respondidas ) e, sobretudo, disfrutem da DAGON!

Dagon! A Nova Revista do Fantástico:

20.05.09

(imagem da capa com marca de água provisória)
 

Por considerar que será bom a existência de uma nova revista do fantástico, versando não só sobre literatura mas um pouco sobre todas as formas de manifestação da arte fantástica, para que assim possa existir uma competição saudável que, certamente, trará novo estimulo para a procura de um cada vez mais elevado padrão de qualidade, dentro de um paradigma em que a qualidade é já uma certeza… Por sentir que as edições semelhantes disponíveis não abrangem todas as formas de arte fantástica e que não oferecem  um espaço especialmente dedicado aos autores portugueses… E ainda por considerar que é chegado o tempo de fazer novas experiências: por tudo isto vos apresentamos a DAGON!, a nova Revista do Fantástico!

Com data de lançamento marcada para meados de Junho de 2009, esta revista tem como criadores Rita Comércio e Roberto Mendes e como autores João Paulo aka Gendo, Pedro Ventura, o Crítico e os demais participantes do Correio do Fantástico!

Podem contar com a participação de grandes vultos da literatura fantástica portuguesa, através de artigos de opinião e não só, como Luís Filipe Silva, Jorge Candeias, João Seixas, Rogério Ribeiro, Pedro Ventura e Carla Ribeiro; Podem ainda contar com a participação de nomes sonantes no panorama internacional como Ian R Macleod, M. J. Harrisson,  e Edgar A. Poe (com um poema soberbo)…

Mas não só de literatura viverá a Dagon, o desenho desempenhará uma função muito importante, e quem melhor que o genial artista João Paulo aka Gendo para nos apresentar o que de melhor se faz no desenho fantástico? Também o cinema terá o seu cantinho, onde o anime não será esquecido, bem como a música, entre outras manifestações desta arte tão especial que é o fantástico…

As entrevistas certamente deliciarão os leitores, onde as respostas serão dadas por autores como Luís Filipe Silva, Jorge Candeias, Pedro Ventura, Ian R. Macleoud e M. J. Harrisson…

Procuramos sobretudo dar espaço aos mais novos, assim  o prova a criação de uma rúbrica dedicada aos mais jovens; Começaremos com um conto de Francisco Norega, um jovem autor com enorme margem de progressão!

A Vollüspa aparecerá das brumas, deixando o leitor descobrir os seus segredos, num artigo onde o véu será puxado e tudo será revelado…

De distribuição gratuita na Internet, a DAGON! alcançará, em vós leitores, a imortalidade…

Por agora podem fazer Download de uma das melhores edições de sempre da revista Bang! aqui, revista que deixará agora de batalhar sozinha pelo Fantástico nas artes…

Rita Comércio e Roberto Mendes

 

pesquisar

 

comentários recentes

mais comentados

arquivos

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

2006:

 J F M A M J J A S O N D

links

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

Junho 2014

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30