Goor - A Crónica de Feaglar está de regresso!

17.02.13

 


Sete anos depois, o romance épico "Goor - A Crónica de Feaglar", volume I está novamente disponível!


PONTOS DE VENDA:


BUBOK

LIVRO

custo: cerca de 16 euros - incluindo despesas de envio (economy) para PORTUGAL

          cerca de 52 reais - incluindo despesas de envio (economy ) para o BRASIL


*Pode também contactar directamente o autor: noctis2006@sapo.pt


EBOOK

custo: 5 euros/R$12.02 

 




 

 “Lembro que cando rematei de lér a segunda novela de Pedro Ventura (Goor II – A Crónica de Feaglar, aló polo 2007) puiden dicir sen temor ao ridículo que viña de rematar a millor novela de xénero fantástico da miña vida. Aquela novela era o cabo a unha história de coraxe, aventuras e humanidade que tan só facían desexar lér mais e mais (…)”

 

NOVA FANTASIA (GALIZA - ESPANHA)



"Enquanto leitor senti-me verdadeiramente sugado pela história levando a que consumisse cada pequeno passo da narrativa de forma deliciosa...Tem todos os ingredientes: acção, intriga, romance... Se gosta do género, vai adorar este livro. Eu já vou a meio e estou a adorar! A história é fluida e interessante, tendo lugar num mundo imaginário, onde o valor humano tem um papel muito importante. Quem não comprar este livro não sabe o que perde..."

GALEONDI - YAHOO (BRASIL) 


"Goor - As Crónicas de Feaglar I & II são obras inigualáveis. A primeira coisa em que pensei quando terminei de os ler foi "Uau, nunca pensei que houvesse uma obra destas, muito menos escrita por um autor português". (...) Desde cedo entramos num mundo completamente novo. E, apesar de estas duas obras serem classificadas no género Fantástico, desenganem-se se pensam que vão encontrar os seus elementos típicos como fadas, gnomos, elfos, anjos ou vampiros ou o que quer que vos possa passar pela cabeça. Aqui, temos a humanidade dura e crua, onde cada pensamento e acção têm uma intensidade nunca antes expressas desta forma."


SOFIA TEIXEIRA - BLOG MORRIGHAN (PORTUGAL)






Total Recall - 2012 (Onde está Marte?)

17.02.13

 

 

 

Grande problema dos "remakes": se não estiverem à altura do "original" cinematográfico, mais vale estar quieto - o que acaba por ser regra. Se em termos de deleite visual o filme ainda cumpre (mesmo não trazendo nada de novo) e pode satisfazer quem se assombra com (apenas) esse aspecto, o argumento e os actores estragam tudo, safando-se no "satisfaz -" a Jessica. O enredo "perde" Marte, o legado de uma raça exraterrestre, o conflito político, sob o peso de uma Kate que quer apanhar o Colin, só porque sim, com todas as suas forças. O original até chega a surgir com uma nostalgia que nos faz pensar ser melhor do que, na verdade, é... Mas continuo a preferir um filme de sci-fi sofrível, a um filme  da tríade da moda: lamechas/famílias disfuncionais/fácil baixar de cuecas... - mas isso é casmurrice minha.

 

11 (0-20)

publicado por sá morais às 15:04

pesquisar

 

comentários recentes

mais comentados

arquivos

2014:

 J F M A M J J A S O N D

2013:

 J F M A M J J A S O N D

2012:

 J F M A M J J A S O N D

2011:

 J F M A M J J A S O N D

2010:

 J F M A M J J A S O N D

2009:

 J F M A M J J A S O N D

2008:

 J F M A M J J A S O N D

2007:

 J F M A M J J A S O N D

2006:

 J F M A M J J A S O N D

links

subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro

Fevereiro 2013

D
S
T
Q
Q
S
S
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
14
18
19
21
22
23
24
25
26